Entrar com Facebook

Assistir Prêmio Bola de Ouro da Fifa ao vivo 11/01/2016

Assistir Tv

Bola de Ouro foi entregue, esta segunda-feira, em Zurique (Suíça) ao argentino Lionel Messi (41,33%), que derrotou o português Cristiano Ronaldo (26,76%) e o brasileiro Neymar (7,86%).

Lionel Messi, jogador do Barcelona e da seleção argentina, ganhou, pela quinta vez, a Bola de Ouro, entregue ao melhor futebolista do ano. Foi a quinta distinção de melhor do mundo ganha por La Pulga, que ganhara o troféu de 2009, 2010, 2011 e 2012.

14h00 - Prêmio Bola de Ouro da Fifa - BAND (no inicio dentro de 'Os Donos da Bola) e BANDSPORTS (a partir das 15h30 no SPORTV, FOX SPORTS e GLOBOESPORTE.COM; as 16h50 também na GLOBO)

Argentino prepara-se para recuperar hoje o galardão na gala da FIFA. Títulos de Messi pesam mais do que os golos de CR7.

Depois das lágrimas de emoção de 2013 e do grito de guerra - "Siiiii!" - de 2014, desta vez Cristiano Ronaldo não deverá ser chamado ao palco para receber a Bola de Ouro. Lionel Messi é o grande favorito à conquista do galardão que premeia o melhor futebolista de 2015, na gala da FIFA que vai decorrer hoje em Zurique, na Suíça, com transmissão em direto na RTP1 a partir das 17.30.

Há um ano, quando recebeu a terceira Bola de Ouro da carreira, Cristiano Ronaldo tinha deixado o mote: "Não quero parar por aqui. Espero apanhar o Messi já na próxima época." Porém, desde que esse desafio foi lançado, CR7 não voltou a conquistar nenhum título pelo Real Madrid, enquanto Lionel Messi viveu um ano dourado no Barcelona - já depois de ter completado o "triplete", com a conquista da Liga dos Campeões, da Liga espanhola e da Taça de Espanha, ainda juntou ao palmarés mais uma Supertaça Europeia e outro Mundial de Clubes FIFA.

É certo que a Bola de Ouro é, tecnicamente, um prémio individual, mas os títulos pesam sempre na hora de avaliar. No caso de Cristiano Ronaldo, a grande valia do último ano foram os muitos golos que marcou. O capitão da seleção nacional foi o melhor marcador de 2015, com 57 golos, mais cinco do que Lionel Messi. Mas para premiar os golos marcados CR7 já recebeu um galardão: a quarta Bota de Ouro da carreira, prémio que distingue o melhor marcador dos campeonatos europeus. Portanto, chegar à quarta Bola de Ouro da carreira torna-se uma miragem para Ronaldo.

O próprio jogador do Real Madrid reconheceu, há dois meses, que não tem grandes expectativas de vitória, embora não se conforme com a iminência de Messi recuperar o troféu que ergueu em 2009, 2010, 2011 e 2012. "Acho que Messi vai ganhar neste ano porque é um troféu decidido por votos. Fiz provavelmente a melhor época a nível individual da minha carreira e fui o máximo goleador da Europa, mas a Bola de Ouro decide-se por votos. É difícil. Não estou muito preocupado, nunca esperei ganhar três vezes e consegui", frisou.

A ameaça Neymar

Ronaldo e Messi continuam a dominar todas as discussões sobre a atribuição da Bola de Ouro, mas há um nome que emerge como uma forte ameaça à dupla. Trata--se de Neymar, que fez a melhor época da carreira no último ano e surge, neste momento, como potencial ameaça ao 2.º lugar da lista final. Afinal, o avançado brasileiro foi influente nos cinco títulos conquistados pelo Barcelona em 2015, em contraste com a folha em branco que foi o ano de CR7 e Real Madrid na luta por troféus.

Além disso, Neymar, em parceria com Luis Suárez, carregou o Barcelona às costas durante os dois meses em que Lionel Messi esteve lesionado e faturou nos últimos cinco jogos da Liga dos Campeões 2014/15, além de também ter sido decisivo na final da Taça do Rei e nos 4-0 sobre o Real Madrid, no último clássico.

A maior experiência e mediatismo ainda pesam a favor de Cristiano Ronaldo, que também fez história no Real Madrid, ao tornar-se no melhor marcador de sempre do clube - já leva 339 golos, depois de ter superado o histórico Raúl González. Na Liga espanhola as coisas não estão a correr da melhor forma ao Real Madrid, mas Ronaldo destacou-se na fase de grupos da Champions, ao bater o recorde de mais golos na primeira fase da competição (11 em seis jogos).

Outros prémios em jogo

A Bola de Ouro, que em 2010 fundiu-se com o prémio de melhor jogador do ano da FIFA (anteriormente era atribuído apenas pela France Football), é decidido por três votantes por país: um do selecionador nacional, outro do capitão e um de um jornalista, em representação dos media nacionais. Cada indivíduo chamado a votar pode atribuir cinco votos a um jogador, três a outro e um ao 3.º classificado da sua lista.

A gala da FIFA servirá, também, para distinguir outras personalidades do mundo do futebol. Além da melhor equipa do ano, será anunciado o melhor treinador. Luis Enrique, do Barcelona, é o favorito e Pep Guardiola nem marcará presença na cerimónia. Jorge Sampaoli, que conduziu o Chile à conquista da Copa América, é o outro finalista.

O prémio de melhor futebolista feminina será decidido entre Carli Lloyd (EUA), Aya Miyama (Japão) e Célia Sasic (Alemanha), enquanto o de melhor treinador(a) do setor será discutido por Jill Ellis (EUA), Mark Sampson (galês que treina a Inglaterra) e Norio Sasaki (Japão). Por fim, existem mais duas distinções: o prémio Puskas, para melhor golo do ano, conta com as candidaturas de Alessandro Florenzi (AS Roma), Wendell Lira (Goianésia) e Messi (Barcelona), e o prémio Fair-Play, atribuído anualmente a uma pessoa ou organização que se tenha destacado pelo desportivismo.

Canais da transmissão - BAND (no inicio dentro de 'Os Donos da Bola) e BANDSPORTS (a partir das 15h30 no SPORTV, FOX SPORTS e GLOBOESPORTE.COM; as 16h50 também na GLOBO)

TAGS:Assistir Prêmio Bola de Ouro da Fifa Ao Vivo Dia: 10/01/2016, Horario: a Partir das 14:00,Assistir Prêmio Bola de Ouro da Fifa ao vivo, Assistir Prêmio Bola de Ouro da Fifa online, Prêmio Bola de Ouro da Fifa Como Assistir ?,Ver Online Prêmio Bola de Ouro da Fifa ao vivo grátis.

Opção de links para Computador

Curta-nos no facebook!
Publicidade
Parceiros
Tv Online Downloads Tá na Tv
Notícias
Baixe Fácil
Parceiros link
Tudo TV - Todos direitos reservados!